Apoio Contato Promoções Matérias Especiais Programação A Rádio Home


Rob Halford: vocalista vai lançar autobiografia em setembro

Postado em maio 28th, 2020 @ 11:35 | 37 views

Share |

29 de setembro é a data de lançamento de Confess, autobiografia do lendário Rob Halford, vocalista do Judas Priest e ex-Fight e 2wo. O livro, que sairá pela Hachette Books, foi escrito com Ian Gittins, co-autor de The Heroin Diaries, de Nikki Sixx (baixista do Mötley Crüe e do Sixx A.M.), e mostrará o estilo de vida rock and roll de Halford desde o final dos anos 80 até o 50° aniversário do Judas Priest em 2020. As encomendas de Confess já podem ser feitas na Amazon.

Confess oferecerá aos leitores uma visão convincente e sincera de Halford, que enfrentou o vício e sua sexualidade. O livro irá explorar a música e assuntos controversos. Halford comentou a biografia: Confess é uma oportunidade única de expor todas as minhas facetas. Cavar fundo com nada a esconder e nada a temer foi, de muitas maneiras, emocionante, divertido, perturbador, aterrorizante e catártico. Não retive nada. Está na hora de eu ‘confessar’”, brincou.

Sarah Emsley, diretora de publicação da Headline Publishing, que adquiriu os direitos mundiais de Dave Daniel na CSA por Confess, disse: “Tenho uma verdadeira paixão por autobiografias de todos os tipos e estilos de carreiras de ícones do mundo da música e a história de Rob Halford é verdadeiramente incrível. Ao longo de sete décadas repletas de ação, o material inicial de Confess é impressionante. Mal podemos esperar para publicar o livro de Rob em todo o mundo”, vibrou.

No ano passado, Halford confirmou que, finalmente, estava trabalhando em um livro, depois de ter insistido anteriormente que nunca faria isso por causa de questões de privacidade. Em entrevista ao Ultimate Classic Rock, Halford disse que suas memórias oferecerão um olhar sincero sobre sua vida. “Não há sentido em montar um livro se você não tem divulgação completa, na minha opinião”, disse o cantor. “Desde que eu fiquei limpo e sóbrio, provavelmente fui mais honesto e sincero comigo do que nunca. Você só tem a chance de fazer uma vez e fazer corretamente. Estou animado, mas também fico apreensivo à medida que avançamos”, revelou. “Porque você não sabe o que deve incluir: ‘Devo dizer isso?’, ‘devo dizer aquilo?’. Não sei”.

Sobre os detalhes do livro, Halford comentou: “Não quero que seja uma autobiografia – quero que seja mais um livro de memórias. Vai ter muitas coisas por aí que você vai ler, tipo: ‘Oh, eu realmente não estou interessado nisso’; ‘Oh, meu Deus, nunca soube que ele fez isso!’. Mas vai fazer você se sentir feliz, vai fazer você se sentir triste. Vai fazer você se sentir com raiva, vai chocar você! Vai ter todas as coisas que acho que foram (igual) na vida da maioria das pessoas”.

Em 2015, Halford não estava tão seguro sobre compartilhar detalhes pessoais de sua vida em um livro, conforme declarou ao Brisbane Times, da Australia: “Eu sei que minha própria vida, minhas próprias exigências, têm algo em que as pessoas poderiam aprender, que realmente poderiam ajudar alguém. E que poderiam aprender que realmente poderiam ajudar alguém. E que poderia ser escrito de uma maneira que não precisa ser exploradora ou excitante. Mas sou uma pessoa privada e posso dizer agora que isso não acontecerá”.

Halford disse que o mesmo se aplica ao Judas Priest, cuja década de 1980 foi registrada em um episódio do documentário “Behind the Music”, mas que ainda não divulgou uma autobiografia oficial da banda. “Conversamos sobre isso e não estamos interessados”, disse Rob. “Parece que a única maneira de conseguir que essas coisas se mantenham é fazer com que tudo seja revelado, desenterrar toda a roupa suja. Nunca fomos atraídos pelo tabloide, pelo lado fofoqueiro das coisas; Nunca fomos desesperados por atenção, ou saímos por aí soltando o verbo como outras bandas. Estamos mais do que felizes – mais agora do que nunca – em ser Oz por trás da cortina, em não afastar esse véu e em manter nossos fãs direcionados para nossos álbuns e nossos shows”.

Deixe seu comentário


Os comentários são postados usando logins do FACEBOOK, HOTMAIL, AOL ou YAHOO