Apoio Contato Promoções Matérias Especiais Programação A Rádio Home
  • Confira o novo álbum do Foo Fighters "Medicine At Midnight" aqui na SHOCK BOX!

Kiss: eles alteraram letras e cortaram o sangue para livestream em Dubai

Postado em janeiro 1st, 2021 @ 7:40

O Kiss promoveu alterações em detalhes de seu show tradicional para realizar a apresentação “Kiss 2020 Goodbye”. A performance foi transmitida online diretamente de um resort em Dubai, nos Emirados Árabes Unidos, nesta quinta-feira (31).

Internautas apontaram, nas redes sociais, que trechos das letras de “God of Thunder” e “100,000 Years” foram modificados pelo Kiss. Além disso, o clássico número teatral em que o vocalista e baixista Gene Simmons cospe sangue não foi realizado desta vez.

No caso de “God of Thunder”, o trecho final “virgin soul” (“alma virgem”), do verso “The spell you’re under will slowly rob you of your virgin soul” (“Você está sob o feitiço que lentamente roubará você de sua alma virgem”) não foi cantado. Internautas dizem que a expressão “virgin soul” teria sido adaptada para “sacred gold” (“ouro sagrado”) ou “sacred code” (“código sagrado”) – a dicção estaria um pouco confusa nesse momento.

Já “100,000 Years” não contou com a palavra “bitch” do verso “it must have been a bitch while I was gone” (“deve ter sido uma merda enquanto estive fora”). No lugar dela, entrou o termo “trip” (“viagem”), embora, segundo relatos, o vocalista e guitarrista Paul Stanley tenha cantado “bitch” na última repetição.

A justificativa mais provável debatida nas redes sociais para essas mudanças seria uma suposta adequação aos costumes locais dos Emirados Árabes Unidos. O país tem o islamismo como sua religião oficial.

Houve, ainda, quem destacasse que a transmissão não tinha restrições de classificação indicativa e poderia ser acessada em todo o mundo. Dessa forma, supostamente, pontos considerados “polêmicos” do show típico do Kiss teriam sido alterados.

Até o momento, nenhum envolvido com a produção da livestream se manifestou oficialmente para explicar as mudanças.

Além dos pontos citados, o Kiss fez uma pequena alteração em seu repertório para o show online. A música “Strutter” foi acrescentada de última hora no bis, para que fosse promovida uma contagem regressiva para a virada do ano – Dubai está sete horas na frente do fuso horário de Brasília. Tirando essa canção, todo o setlist tocado foi o mesmo das últimas datas da “End of the Road”, segunda turnê de despedida da banda.

Embora já tenha sido anunciado previamente, outro detalhe curioso que rolou durante a apresentação foi a quebra do recorde mundial de maior uso de fogos em um show. Ao todo, foram disparados 73 pontos de chamas. O feito foi registrado por um representante do Guinness Book, o livro dos recordes.

A apresentação gravada ainda pode ser assistida no site do projeto “Kiss 2020 Goodbye”, mediante pagamento de ingresso de US$ 39,99 (cerca de R$ 205, na cotação atual e em transação direta). A expectativa é que o registro também seja lançadaoem DVD/Blu-Ray e em salas de cinema por todo o mundo.

Veja, abaixo, o repertório tocado pelo Kiss na livestream em Dubai.

1. Detroit Rock City
2. Shout It Out Loud
3. Deuce
4. Say Yeah
5. I Love It Loud
6. Heaven’s On Fire
7. Tears Are Falling
8. War Machine (Gene Simmons cospe fogo)
9. Lick It Up
10. Calling Dr. Love
11. 100,000 Years (bateria sobe)
12. Cold Gin (Tommy Thayer dispara foguetes na guitarra)
13. God of Thunder (Gene Simmons voa)
14. Psycho Circus
15. Parasite
16. Love Gun (Paul Stanley voa)
17. I Was Made For Lovin’ You
18. Black Diamond
19. Beth (no piano)
20. Strutter
21. Do You Love Me?
22. Rock And Roll All Nite